Você está aqui

Bielorrússia

O médico Mikhail Khmyz e o assistente social Roman Kuchko no escritório de MSF em Minsk, na Bielorrússia. (Foto: Victoria Gendina/MSF)
Bielorrússia
Paises em que MSF atua

Médicos Sem Fronteiras (MSF) apoia o Ministério da Saúde da Bielorrússia no tratamento de pacientes com tuberculose multirresistente a medicamentos (TB-MDR).

De acordo com o Relatório Global de Tuberculose de 2019 da Organização Mundial da Saúde (OMS), a Bielorrússia consta como um país com alto índice de TB-MDR.

Em 2019, apoiamos o Ministério da Saúde em quatro unidades de tratamento de tuberculose em Minsk, a capital, e na aldeia de Volkovichi, na região de Minsk. Nossas equipes também visitaram regularmente uma colônia penal em Orsha para auxiliar no tratamento dos internos com tuberculose resistente a medicamentos (TB-DR) e coinfecções. Até o final de 2019, 54 pacientes com hepatite C haviam recebido tratamento com medicamentos antivirais de ação direta.

MSF formulou em conjunto com o Ministério da Saúde um programa de redução de danos, cujo objetivo é ajudar os pacientes de TB-DR com problemas de abuso de álcool a controlar sua dependência do álcool e de outras substâncias, a fim de que possam concluir seu tratamento com sucesso. Nossa equipe de apoio psicossocial conduziu um total de 4.255 consultas em 2019; cerca de 80 pacientes receberam consultas mensalmente. Também iniciamos um estudo para demonstrar a eficácia e viabilidade deste programa.

Pesquisa médica

Minsk é um dos cinco locais onde é conduzido o ensaio clínico da TB PRACTECAL, patrocinado por MSF, que busca regimes de tratamento para TB-MDR curtos e inovadores.¹ Até o final de 2019, 51 pacientes haviam sido selecionados para participar do ensaio.

Minsk também é um dos 17 locais do estudo observacional da endTB, que está avaliando a segurança e eficácia dos novos medicamentos bedaquilina e delamanida. Em 2019, a equipe continuou acompanhando os 122 pacientes inscritos no estudo.
 

1 Liderado por MSF no Reino Unido e conduzido em parceria com a London School of Hygiene and Tropical Medicine, outros líderes globais em pesquisa médica, bem como os ministérios da saúde de Bielorrússia, África do Sul e Uzbequistão. TB PRACTECAL é um projeto de pesquisa inovador que busca encontrar tratamentos livres de injeção, curtos, toleráveis e eficazes para pessoas com TB-DR.

Pacientes que começaram tratamento para TB-MDR
68

MSF usa cookies neste site para melhorar sua experiência.
Saiba mais na

Política de Privacidade. Aceitar