Você está aqui

MSF inaugura clínica para mulheres e crianças sírias

24/03/2016
Dos cerca de 400 mil refugiados sírios que vivem na cidade turca de Gaziantep, metade são crianças com menos de 15 anos e cerca de 100 mil são mulheres em idade fértil

Foto: Juan Carlos Tomasi/MSF

A organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF), em parceria com a organização Physicians Across Continents (PAC), inaugurou uma clínica para atender algumas das necessidades de saúde de mulheres e crianças sírias em Gaziantep, no sul da Turquia.

Dos cerca de 2,5 milhões de refugiados sírios que vivem na Turquia, cerca de 400 mil estão em Gaziantep. Desse total, metade são crianças com menos de 15 anos e cerca de 100 mil são mulheres em idade fértil.

Inauguração da clínica para mulheres e crianças sírias em Gaziantep (Foto: Juan Carlos Tomasi/MSF)“Uma das maiores necessidades que identificamos da população síria em Gaziantep foi relacionada com cuidados materno-infantis, e estamos cientes de que o governo turco enfrenta grandes dificuldades para atender às necessidades de saúde dessa enorme população”, disse Massimiliano Rebadengo, coordenador-geral de MSF na Turquia.

Na clínica mantida por MSF, as mulheres terão acesso a serviços de saúde reprodutiva, planejamento familiar, consultas ginecológicas, assim como exames médicos antes e depois de darem à luz. Para partos ou casos mais complicados, as pacientes serão transferidas a um hospital local turco.

Devido a um acordo estabelecido com as autoridades turcas, a clínica será composta por pediatras, nutricionistas, ginecologistas e obstetras sírios.

“Nós decidimos usar uma equipe composta inteiramente por profissionais sírios para realizar as consultas, porque, após conversas com os pacientes, nós reconhecemos que as pessoas se sentiriam mais confortáveis com profissionais sírios. O idioma pode ser um problema aqui, por isso, procuramos superá-lo”, disse Massimiliano Rebadengo.

A clínica fica aberta cinco dias por semana, e não é necessário marcar horário. A equipe de MSF na clínica tem capacidade para atender cerca de 120 mulheres por dia.

Na clínica pediátrica mantida pelo PAC, os profissionais oferecem exames para crianças com menos de 15 anos, assim como consultas nutricionais e vacinas.

Leia mais sobre