Você está aqui

Saúde mental é fator-chave na recuperação de pacientes com COVID-19 em Tijuana, México

27/05/2020
Psicólogos apoiam pacientes e suas famílias na superação contra o novo coronavírus
Saúde mental é fator-chave na recuperação de pacientes com COVID-19 em Tijuana, México

Foto: Julio Vazquez/MSF

No hospital auxiliar de Tijuana, no México, onde Médicos Sem Fronteiras (MSF) trata pacientes de COVID-19 que estão em fase de recuperação, psicólogos da organização oferecem apoio psicossocial a pacientes e suas famílias. A saúde mental é um fator-chave no processo de recuperação.

Tudo começa com uma carta. A atenção psicológica é oferecida por telefone, mas o primeiro contato com os pacientes é por uma carta, que explica o trabalho realizado pela organização; como ela trabalha; e quem são os psicólogos farão o atendimento. 

"Essas cartas têm fotos dos psicólogos. Cada um deles se apresenta, dá boas-vindas ao paciente e inclui um questionário, que permite investigar o estado emocional do paciente. Há perguntas sobre como ele está, como tem dormido, como se sente sobre tudo o que aconteceu, quais aspectos são mais preocupantes, e, a partir daí, podemos saber como ajudá-lo", diz Lucia Samayoa, responsável pela estratégia psicossocial de MSF em Tijuana.

Os psicólogos de MSF afirmam que as condições físicas apresentadas pelos pacientes de COVID-19 têm consequências emocionais. "Não conseguir respirar e o medo de morrer aumentam os níveis de ansiedade. São pessoas que travaram uma luta emocional muito forte para estarem bem, cujos sintomas e condições físicas os fizeram pensar em questões de vida e morte; preocupações constantes sobre o que acontecerá se eles não puderem mais ver sua família, se não puderem mais abraçá-los. Isso aumenta a ansiedade e dificulta ainda mais a respiração", diz Samayoa.

Na chamada, os psicólogos oferecem um espaço de catarse no qual os pacientes podem desabafar e entender tudo o que enfrentaram e processar que estão melhorando todos os dias. “Identificamos esses problemas, fornecemos algumas técnicas de respiração, de resgate de memórias positivas e exercícios de relaxamento e outros mecanismos que os ajudam a expressar o que sentem. Tudo isso reduz a ansiedade, que também aumenta quando eles não têm informações externas ou sobre como estão seus parentes." 

Desde o início dos atendimentos, os psicólogos identificaram que a maior preocupação entre os pacientes é saber sobre a família. "Uma parte essencial desse cuidado inclui a possibilidade de os pacientes se comunicarem com seus entes queridos por meio de um telefonema. A resposta, é claro, tem sido muito positiva, porque isso os faz sentir mais calmos e contribui para o processo de recuperação", aponta Lucia.

Outra coisa que é essencial é a equipe de médicos e enfermeiros que estão em contato direto com os pacientes saber como eles podem oferecer um tratamento mais acolhedor. "O equipamento de proteção que o pessoal médico tem que usar torna os cuidados um pouco mais distantes, por isso, pensamos em como poderíamos fazer para que esses pacientes pudessem sentir o acolhimento por trás desse traje, o tratamento que queremos dar a eles", diz Samayoa.

Para resolver isso, os psicólogos de MSF realizaram um treinamento psicológico prévio em primeiros socorros com toda a equipe da linha de frente que trata pacientes. Isso permite que o pessoal de saúde, ao observar a linguagem corporal, o tom e o volume da voz do paciente, se o paciente está inquieto ou nervoso, seja capaz de afastar uma preocupação ou um medo presente no paciente e consiga proporcionar uma atenção muito mais personalizada.

Os cuidados de saúde mental para a recuperação de pacientes também ajudam a evitar complicações após o tratamento médico que recebem no centro e se tornam um aspecto muito importante para que eles concluam o tratamento em casa. Em coordenação com a área de assistência social e promoção de saúde de MSF, são preparadas as recomendações necessárias que devem ser seguidas pelos pacientes quando eles finalmente recebem alta.



Com o avanço da COVID-19, as necessidades em nossos projetos crescem rapidamente. Seja um doador sem fronteiras e nos ajude a continuar salvando vidas.

Quero ajudar!

 

 

MSF usa cookies neste site para melhorar sua experiência.
Saiba mais na

Política de Privacidade. Aceitar