Você está aqui

MSF condena ataque a comboio da ONU e do Crescente Vermelho Sírio em Aleppo

20/09/2016
Gostaríamos de expressar nossas sinceras condolências às famílias, amigos e colegas dos voluntários do Crescente Vermelho que morreram no ataque

A organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) está profundamente consternada com o ataque ocorrido em 19 de setembro contra um comboio que levaria ajuda a pessoas na província de Aleppo, na Síria. O comboio da ONU e do Crescente Vermelho Árabe Sírio foi atingido e integrantes da equipe do Crescente Vermelho perderam suas vidas quando tentavam entregar ajuda à população de Urm Al-Kubra, a oeste de Aleppo. Gostaríamos de expressar nossas sinceras condolências às famílias, amigos e colegas dos voluntários do Crescente Vermelho que morreram no ataque, que foi um absoluto desrespeito a todos os esforços para aliviar o sofrimento da população.

MSF condena fortemente esse ataque, que é mais um exemplo do desprezo contínuo às regras básicas de guerra no conflito sírio, e exige que todas as partes envolvidas no conflito respeitem os trabalhadores humanitários, os civis, os centros de saúde e a infraestrutura civil.

As potências internacionais envolvidas nesse conflito devem assumir suas responsabilidades e tomar medidas concretas para pôr fim a todos os ataques à infraestrutura civil, incluindo instalações médicas e comboios de ajuda.

Leia mais sobre