Você está aqui

Por 5 meses no Iraque

O engenheiro eletricista Rodrigo Vialle relata como foi a sua experiência atuando por cinco meses na cidade de Mossul, no Iraque
25/07/2021
Por 5 meses no Iraque

Foto: MSF

A população iraquiana está sofrendo os efeitos de anos de conflito e permanente instabilidade. Médicos Sem Fronteiras (MSF) fornece assistência médica necessária com urgência para residentes de Mossul, nos locais onde tem projetos na cidade e seus arredores, incluindo intervenções cirúrgicas para feridos de guerra, cuidados maternos, desnutrição, cuidados de saúde mental e outros serviços médicos.

O engenheiro eletricista Rodrigo Vialle relata como foi a sua experiência atuando por cinco meses na cidade de Mossul:

“Hoje finalizo meu período de quarentena junto com o fim da minha missão no Iraque. Foram quatro meses que se estenderam para cinco devido às movimentações no projeto, que me proporcionaram sentimentos e desafios incríveis. Mossul foi extremamente impactada pelo grupo do Estado Islâmico. Um conflito que durou quase três anos e pulverizou a cidade que ainda guarda imagens chocantes desta batalha.

A cidade teve quatro/cinco hospitais destruídos, colapsando com o sistema de saúde da região. MSF, desde então, tem atuado no local com a construção de um hospital ortopédico  que teve que se adaptar aos diferentes contextos, passando para emergência com containers e tendas, seguido de COVID e agora ortopedia com fixações interna.

Confesso que, quando me ofereceram ir para o Iraque, tendo um dos mais baixos GPI (índice global de paz), me tirou o sono por vários dias. O contexto de alta segurança, com uma região extremamente volátil, com forças militares presentes e o confinamento na casa/hospital, é um desafio que me fez repensar várias coisas, além de me forçar a me adaptar e encontrar soluções para que o projeto pudesse ser realizado.

Sou engenheiro eletricista e minha posição foi de Gerente Biomédico. Minha função girava em torno dos equipamentos presentes no hospital e maternidade: gerenciamento do ciclo de vida, orçamento de peças, planejamento de manutenção preventiva e corretiva. Além da realização de treinamentos técnicos e gestão de 2 funcionários incríveis.

Hoje, eu fico muito feliz em olhar para esse período curto, mas tão intenso e transformador, com muito orgulho, e ver o impacto que MSF traz à comunidade que tanto carece. Uma comunidade incrível, que me recebeu com uma hospitalidade nunca presenciada. Pessoas alegres e amorosas mesmo com todas as tribulações que vivenciaram, e que se tornaram amigos. Sou grato pela confiança e pela oportunidade.

Trabalho humanitário, além de todas as questões técnicas envolvidas, requer uma extrema capacidade de flexibilidade e compreensão pessoal. Hoje, eu agradeço a todos os profissionais que abraçaram essa causa por todos esses anos.

Família MSF!

Obrigado e seguimos juntos”

MSF oferece assistência médica neutra e imparcial independentemente de raça, religião, gênero ou afiliação política. Para garantir sua independência, MSF não aceita financiamento de qualquer governo ou agência internacional para os seus programas no Iraque, contando apenas com doações privadas do público geral ao redor do mundo para executar seu trabalho.

 

MSF usa cookies neste site para melhorar sua experiência.
Saiba mais na

Política de Privacidade. Aceitar