Nas ruas

Captadores

Sede e filiais

Nos escritórios

Projetos

No campo

Trabalhe em Projetos em Campo

Quando você decide juntar-se à equipe de MSF, faz mais do que uma escolha profissional; faz também uma opção de vida. Nossos profissionais são pessoas que, acima de tudo, acreditam no trabalho humanitário imparcial, neutro e independente realizado pela organização mundo afora e sentem-se motivadas por ele. Os profissionais de MSF não são voluntários; recebem remunerações e participam de processos de seleção rigorosos. Não são, no entanto, os salários que atraem e retêm os profissionais na organização e, sim, a satisfação de trabalhar por uma causa que contribui para a vida de tantas pessoas.

A integridade da nossa organização é sustentada pela boa conduta de cada membro da equipe individualmente, em qualquer local, com total respeito pelas comunidades que servimos. Por isso, esperamos que todos os profissionais respeitem os nossos princípios orientadores. Conforme estipulado em nossa carta, nosso papel é prestar assistência às populações em dificuldades, sem nunca esquecer nosso código de ética profissional. Temos mecanismos para denúncia e averiguação de casos de abusos e assédio nos ambientes de trabalho.

No Brasil

Durante um ano e meio, em nossa intervenção da COVID-19 no Brasil, MSF administrou atividades em 12 estados.

Profissionais específicos

Selecionamos alguns perfis especializados para trabalhar em nossos projetos em campo quando há alguma emergência no projeto, como a crise sanitária do novo coronavírus. No momento, não estamos recrutando profissionais especialistas. Continue seu processo pelos perfis que recrutamos regularmente.

No Exterior

Em 2020, nossas equipes trabalharam intensamente em 88 países para responder à pandemia da COVID-19 e a outras emergências enquanto mantinham nossos mais de 400 projetos em funcionamento.

Processo de seleção

Vida em campo

Confira como é a rotina de nossos profissionais em campo.

Carreira

É possível construir uma carreira em ajuda humanitária com MSF.

Profissionais que recrutamos

Veja os perfis profissionais que atuam com Médicos Sem Fronteiras em campo.

Perguntas Frequentes

Veja as perguntas mais frequentes relacionados ao nosso trabalho em campo

Diários de bordo

6 maio, 2022
Thaiani Daniëls compartilha sua experiência como gerente de promoção de saúde e engajamento comunitário de MSF, atuando com populações afetadas por conflitos em Cabo Delgado,…
1 abril, 2022
Antes de relatar um pouco sobre como foi a atuação de Médicos Sem Fronteiras (MSF) no município de Petrópolis, farei um breve retorno ao tempo:…
18 março, 2022
No momento em que escrevo, fazem três meses que o meu projeto na República Centro-Africana começou, e esse foi o tempo que escolhi vivenciar até…
18 fevereiro, 2022
A gestora de comunicação Amanda Bergman relata sua experiência com comunidades afetadas pela violência em Cabo Delgado, Moçambique Era a meu primeiro projeto com MSF…
11 fevereiro, 2022
Hugo Renato compartilha sua experiência como gestor de recursos humanos no Centro de Trauma de MSF em Kunduz, no Afeganistão. Comecei a trabalhar com Médicos…
4 fevereiro, 2022
Como engenheiro, atuei na posição de gerente biomédico no Iraque por 5 meses, país que enfrentou e enfrenta diversos conflitos. Minha responsabilidade era organizar, instalar…
7 janeiro, 2022
O cirurgião Rodrigo Cata Preta relata a história de um atendimento no projeto de MSF em Agok, no Sudão do Sul, onde atuou entre junho…
14 dezembro, 2021
João Saravia, logístico de suprimentos “supply”, descreve como é o trabalho de logística de MSF e o convívio com outros profissionais internacionais móveis no Sudão…

Não achou o que procurava? Clique no botão abaixo para voltar.