Você está aqui

Saúde mental

Saúde mental

Nossas equipes ofereceram cuidados relacionados a trauma nos 143 projetos de saúde mental que mantivemos em 49 países em 2016.

Durante e após situações de emergência, as pessoas estão mais propensas a sofrer de uma série de problemas de saúde mental. Alguns desenvolvem novos transtornos mentais após uma emergência, enquanto outros experimentam sofrimento psíquico. Aqueles com transtornos mentais pré-existentes muitas vezes precisam de mais ajuda do que antes. Esse apoio deverá ser fornecido para as pessoas de maneira a respeitar a sua dignidade, sua cultura e suas habilidades.

Definição

Segundo a definição da Organização Mundial da Saúde (OMS), a saúde mental se refere a uma ampla gama de atividades direta ou indiretamente relacionadas à promoção do bem-estar, à prevenção de transtornos mentais e ao tratamento e reabilitação de pessoas afetadas.

Estresse, depressão e ansiedade podem deixar muitas pessoas sem poder de ação justamente no momento em que precisam agir por elas mesmas e por suas famílias. Cuidados de saúde mental também são parte dos serviços oferecidos para pessoas vivendo com HIV/Aids, pacientes com tuberculose, desnutrição, vítimas de violência sexual e durante surtos de doenças e desastres naturais.

Os cuidados de saúde mental oferecidos por MSF têm como principal objetivo oferecer apoio às pessoas expostas a determinadas situações de estresse e melhorar seus mecanismos de enfrentamento. Frequentemente, esse trabalho é realizado por conselheiros locais especialmente treinados por MSF. Psicólogos e psiquiatras da organização oferecem suporte técnico e supervisão clínica.

Quando apropriado, serviços de aconselhamento de MSF podem reforçar ou complementar a abordagem dos programas de cuidados de saúde mental já existentes em comunidades locais. MSF também fornece primeiros socorros psicológicos (Psychological First Aid ou PFA) para pessoas expostas a vários eventos (migração, violência, guerra, etc.).

Ao mesmo tempo, clínicos especializados tratam doenças mentais graves, em locais onde não existem sistemas, situações deploráveis e nenhuma estrutura governamental.

Vídeos

Saúde mental no Chade com a psiquiatra Iara Czeresnia

A psiquiatra Iara Czeresnia trabalhou no Chade com Médicos Sem Fronteiras. Ela foi responsável por coordenar as atividades de saúde mental na cidade de Baga Sola, onde estão abrigados milhares de pessoas deslocadas pela violência.

Tratamento

As pessoas buscam ajuda por muitas razões – a agonizante perda de um filho em um terremoto, o trauma de sofrer violência sexual, a captura em meio a um conflito violento. Os profissionais de saúde mental de MSF ouvem essas histórias e ajudam os pacientes a encontrar maneiras de lidar com elas para que possam seguir com suas vidas. As necessidades são grandes e MSF continua ampliando seus programas de saúde mental. A MSF incorporou recentemente a saúde mental no manejo de doenças não transmissíveis como diabetes, asma e hipertensão para ajudar aqueles que modificam seus tratamentos e ajudam a entender melhor suas doenças.

Tratar pessoas com distúrbios graves continua sendo um desafio para as equipes de MSF, dada a complexidade do gerenciamento de medicamentos psiquiátricos. Aumentar a capacidade das equipes para tratar essas doenças continua sendo uma prioridade para MSF.

Atividades de MSF

Em 1998, MSF reconheceu formalmente a necessidade de implementar intervenções de saúde mental e psicossocial como parte de seu trabalho em diversos contextos. Para pessoas que vivenciaram eventos traumáticos (catástrofes, conflitos armados, desastres naturais) ou que lidam com processos de enfermidade (epidemias e exclusão do acesso a saúde), as consequências psicológicas podem ser graves.

Os cuidados de saúde mental oferecidos por MSF têm como principal objetivo oferecer apoio às pessoas expostas a determinadas situações de estresse e melhorar seus mecanismos de enfrentamento. Frequentemente, esse trabalho é realizado por conselheiros locais especialmente treinados por MSF. Psicólogos e psiquiatras da organização oferecem suporte técnico e supervisão clínica.

Quando apropriado, serviços de aconselhamento de MSF podem reforçar ou complementar a abordagem dos programas de cuidados de saúde mental já existentes em comunidades locais. MSF também fornece primeiros socorros psicológicos (Psychological First Aid ou PFA) para pessoas expostas a vários eventos (migração, violência, guerra, etc.). Ao mesmo tempo, clínicos especializados tratam doenças mentais graves, em locais onde não existem sistemas, situações deploráveis e nenhuma estrutura governamental.

Em 2016, MSF ofereceu 229.000 consultas individuais e conduziu 53.300 sessões de grupo de saúde mental.


Esta página foi atualizada em janeiro de 2018.

 

Atividades Médicas

O trabalho de MSF envolve uma grande variedade de atividades, desde a organização de campanhas de vacinação até cirurgias reconstrutivas. MSF também pressiona para que medicamentos de qualidade cheguem às populações que não podem arcar com os altos custos de certos tratamentos.

  • Saúde materna

    Em mais de 20 países, a organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) foca na redução das taxas de mortalidade mater

  • Hepatite C

    A doença acomete o fígado e é causada pelo vírus da hepatite C (VHC).

  • Febre amarela

    De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 47 países (34 em África e 13 América Central e do Sul) são endêmicos ou têm regiões e

  • Chikungunya

    Hoje, a chikungunya já foi identificada em mais de 60 países na Ásia, África, Europa e nas Américas.

  • Desnutrição
    Condição que afeta principalmente crianças, resulta da falta de nutrientes, vitaminas e minerais.
  • Tuberculose
    O longo e árduo tratamento da doença tem contribuído para uma epidemia de tuberculose resistente a medicamentos.
  • Doença do sono
    Erradicada em muitos países, ainda é endêmica no centro e no oeste da África. Se não tratada, é fatal.
  • Sarampo
    Está entre as doenças infecciosas mais contagiosas e faz milhares de vítimas todos os anos, ainda que haja vacina para preveni-la.
  • Saúde mental
    Por meio de terapias intensivas de curto, médio ou longo prazo, psicólogos buscam aliviar o sofrimento das pessoas atendidas por MSF.
  • Meningite
    A doença, que pode ser prevenida por vacina, ocorre por todo o mundo, mas a maioria das infecções e mortes são registradas na África.
  • Malária

    A malária é uma infecção parasitária que invade os glóbulos vermelhos do sangue.

  • Leishmaniose

    A leishmaniose visceral (VL), também conhecida como calazar, é a forma mais grave da leishmaniose.

  • HIV/Aids
    Epidemia continua se espalhando por países onde não há acesso a diagnóstico e tratamento.
  • Fístula obstétrica

    Nossas equipes trabalham com gestantes para prevenir a ocorrência de fístulas obstétricas, ao mesmo tempo em que tratam mulheres com a co

  • Febre de Marburg
    Febre hemorrágica com alta taxa de mortalidade altamente contagiosa.
  • Ebola
    Febre hemorrágica com alta taxa de mortalidade altamente contagiosa.
  • Dengue

    A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 4 bilhões de pessoas estejam vivendo em áreas com risco de infecção pela doença.

  • Cólera

    O risco de contração de cólera é maior logo após emergências, como o terremoto que devastou o Haiti em 2010, mas pode acontecer em qualqu

  • Doença de Chagas
    Transmitida pelo barbeiro, a doença parasitária é prevalente na América Latina, em contextos de habitação precária.
  • Vacinação

    A cada ano, estima-se que a imunização por meio de oito antígenos padrões previna 2,5 milhões de mortes