Você está aqui

Ucrânia: MSF oferece suprimentos médicos urgentes para hospitais que recebem feridos

30/05/2014
“Nossa equipe está monitorando de perto as potenciais necessidades médicas no leste da Ucrânia e está pronta para oferecer assistência adicional”

Após a ocorrência de confrontos violentos esta semana na região de Donetsk, no leste da Ucrânia, a organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) providenciou suprimentos médicos, incluindo curativos, bandagens, seringas, antibióticos e macas, a três hospitais públicos em Donetsk e um em Luhansk.

“Diversos hospitais em Donetsk enfrentaram a escassez de suprimentos após tratar um influxo de pessoas feridas”, afirma Stéphane Prévost, coordenador-geral de MSF na Ucrânia. “Esses suprimentos, urgentemente necessários, vão ajudar a replanejar o estoque dos hospitais, para que os médicos possam continuar a oferecer cuidados de saúde às pessoas que mais precisam.”

Como parte do plano de emergência de MSF, a organização já havia pré-posicionado kits médicos de emergência em Donetsk e Luhansk, para que doações imediatas pudessem ser feitas caso houvesse uma escalada na violência.

“Nossa equipe está monitorando de perto as potenciais necessidades médicas no leste da Ucrânia e está pronta para oferecer assistência adicional”, adicionou Stéphane. “Estamos mantendo contato regular com nosso pessoal médico nos principais hospitais da região, caso eles precisem de mais suporte.”

Nos próximos dias, MSF vai reforçar sua equipe de emergência e avaliar as necessidades das estruturas de saúde nas regiões afetadas pelos confrontos em andamento. Uma equipe especializada, liderada por um psicólogo, também avaliará as necessidades associadas à saúde mental de pessoas que tiveram de se deslocar ou foram afetadas pela violência nos últimos três meses em Kiev e Odessa.

Desde março, MSF administra um programa de saúde mental para aconselhar vítimas dos violentos eventos que aconteceram este ano em Kiev, bem como oferecer suporte emocional e técnico aos profissionais que atuam na área. De março a maio, 450 profissionais de saúde mental foram treinados em primeiros socorros psicológicos, distúrbios relacionados ao estresse pós-traumático, luto, ansiedade e administração do estresse.

MSF atua em Donetsk desde 2011, com um programa voltado para o tratamento de pacientes com tuberculose resistente a medicamentos no sistema penitenciário regional.
 
MSF é uma organização humanitária internacional que atua pautada pelos princípios de neutralidade, independência e imparcialidade em mais de 70 países. MSF não toma partido em quaisquer conflitos e nem é influenciada por agendas políticas, militares ou corporativas, e oferece cuidados médicos para as pessoas baseada apenas em suas necessidades, independentemente de gênero, raça, religião ou afiliação política.

Leia mais sobre