Você está aqui

Outback e MSF, uma parceria de sucesso

26/10/2015
Pela terceira vez, rede de restaurantes promove ação para arrecadar fundos para organização humanitária

Foto: Divulgação Outback Brasil

Neste ano, mais uma vez, a parceria da rede de restaurantes Outback Brasil com a organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) rendeu frutos: no dia 7 de outubro, toda a renda líquida arrecadada com as vendas das famosas cebolas do Outback foi revertida para projetos da organização em mais de 60 países. Além disso, o Outback mobilizou usuários do Facebook para que compartilhassem uma postagem sobre o evento e, a cada compartilhamento, a rede de restaurantes doou mais R$0,07 para o MSF. O total arrecadado chegou a R$172.877, 87, superando a marca dos R$ 148.645,25 de 2014.

MSF é uma organização não governamental cujos fundos são provenientes majoritariamente de doações privadas, o que garante sua independência de poderes políticos e econômicos para atuar. “Para nós, é fundamental estabelecermos parcerias que viabilizem a arrecadação de doações privadas e promovam a visibilidade do nosso trabalho e das crises com as quais trabalhamos, de forma que possamos também contribuir com o parceiro, seja com visibilidade seja com receita. Este foi nosso terceiro ano com o Outback e percebemos que, a cada oportunidade, o engajamento aumenta, tanto das pessoas que participam do Bloomin´Day consumindo as cebolas quanto dos próprios funcionários, que estavam animadíssimos e afiados no discurso”, conta Cinthia Ramires, coordenadora de relacionamento com empresas de MSF Brasil.

Segundo o Outback, o consumo de cebolas foi 98,2% superior ao de uma quarta-feira comum. “Este ano, tivemos uma grande força com a divulgação online. Além do forte apoio de alguns influenciadores, realizamos uma série de ações digitais: inovamos com uma transmissão ao vivo via Periscope, protagonizada pelo ator Robson Nunes e por Luiz Otávio Guimarães, logístico de MSF; produzimos um “Nerdcast” em parceria com o blog Jovem Nerd; e promovemos uma doação especial no Facebook, que estimulou as pessoas a compartilharem a postagem sobre o Bloomin' Day”, conta Renata Lamarco, gerente de marketing do Outback.

Para Chesla Montoril, que participou do Bloomin’Day, a experiência vai além da doação de recursos para MSF: “É ter aquele prazer de participar presencialmente de uma ação por uma ótima causa; é a sensação indescritível de ver pessoas como você, ali, com os mesmos intenção e objetivo; é vibrar secretamente quando alguém pede uma Bloomin’ Onion e olhar sorrindo para quem está a seu lado. Espero que no próximo ano seja novamente MSF a organização beneficiada!”.