Você está aqui

Nossa lista de desejos para 2020

30/01/2020
Nossa lista de desejos para 2020

Nossa lista de desejos para 2020

Em 2020, desejamos um mundo em que os medicamentos não sejam mercadorias ou artigos de luxo e que todos tenham acesso justo a tratamentos que os mantenham vivos e saudáveis.

Medicamentos não deveriam ser um artigo de luxo. Desejamos mudança, não caridade.

Enquanto nosso ano de aniversário fica para trás, a equipe da Campanha de Acesso de MSF aguarda ansiosamente o que nos espera em 2020 para conseguirmos ampliar o acesso a medicamentos.

Gostaríamos de compartilhar com você nossa “Lista de desejos anual”. Vamos contar quais transformações desejamos na vida dos pacientes que atendemos nos nossos projetos e de quem vive em países em desenvolvimento.

Aproveite e compartilhe para que possamos continuar a construir nossa comunidade de Acesso a Medicamentos e juntos mudar o mundo!

DESEJO #1 - Melhor tratamento para tuberculose (TB) para todos que precisam

Quando MSF começou a tratar pessoas com tuberculose resistente a medicamentos, só tínhamos à nossa disponibilidade medicamentos mais antigos, que não ofereciam uma cura efetiva e causavam efeitos colaterais graves.

Hoje, após muitos anos de luta junto à comunidade de TB, temos tratamentos mais seguros e eficazes para oferecer às pessoas com TB resistente a medicamentos. Mas, os fabricantes cobram um preço tão alto pelos medicamentos individuais que compõem a combinação de tratamento que eles não são acessíveis a todos que precisam.

Mas as empresas farmacêuticas não desenvolveram esses tratamentos sozinhas – eles são o resultado de anos de trabalho colaborativo de pesquisadores, clínicos e profissionais de saúde, com financiamento majoritariamente público. No entanto, as decisões sobre preço e acesso permanecem sob o controle das farmacêuticas, deixando muitas pessoas com tuberculose sem  tratamentos que salvam vidas.

Em 2020, estamos determinados a assegurar nosso direito, em reconhecimento aos múltiplos colaboradores envolvidos, de ter uma opinião sobre quem obtém acesso aos novos tratamentos para a tuberculose.

Financiamento público -> opinião pública!

DESEJO #2 - Tornar a insulina acessível novamente

Os cientistas que descobriram a insulina exatamente há 100 anos receberam o Prêmio Nobel de Medicina, não apenas por sua descoberta, mas porque optaram por vender os direitos ao medicamento por apenas 1 dólar (cerca de 4 reais), na esperança de tornar a insulina acessível a todos que precisam.

Mas, no século passado, três empresas passaram a dominar quase exclusivamente o mercado de insulina e abusaram de sua posição de monopólio para elevar os preços em alguns países, ano após ano. Hoje, mais da metade das pessoas que precisam do remédio não conseguem obtê-lo.

Em 2020, esperamos que outros fabricantes ofereçam insulina de qualidade aprovada a preços mais acessíveis. Também temos que encontrar meios das pessoas nas comunidades onde trabalhamos se beneficiarem das inovações nas ferramentas para aplicar insulina – como as canetas, que podem fazer uma enorme diferença na vida das pessoas.

DESEJO #3 - Medicamentos para HIV que atendam às necessidades das crianças

Há 20 anos, as pessoas nos países em desenvolvimento estavam morrendo de Aids, porque não podiam arcar com um tratamento que custava 10.000 dólares (cerca de 40.000 reais) por ano para uma única pessoa. As equipes de MSF estavam determinadas a superar essa injustiça e recorreram a todos os meios possíveis para levar os medicamentos às pessoas.

Hoje, quase 25 milhões de pessoas com HIV estão vivas e em tratamento, agora por um preço mais baixo de 65 dólares (cerca de 260 reais) por ano. Mas as crianças com HIV foram deixadas para trás. Não há incentivo comercial para as empresas farmacêuticas investirem especificamente em tratamentos pediátricos para o HIV, porque praticamente as únicas crianças com HIV vivem em países em desenvolvimento que não podem pagar preços altos por medicamentos. Portanto, crianças nascidas com HIV nos locais onde MSF trabalha não têm acesso a tratamentos que atendem às suas necessidades.

Precisamos desafiar uma indústria farmacêutica que coloca o lucro acima da vida na escolha de investimentos em novos medicamentos, para que possamos tratar as crianças com mais eficácia, com tratamentos combinados adaptados especificamente às suas necessidades.

DESEJO #4 - Vacinas contra pneumonia a preços acessíveis para crianças em qualquer lugar

Uma criança morre de pneumonia a cada 39 segundos. Existe uma vacina eficaz que impede que crianças contraiam esta doença perigosa e mortal. Seu preço era muito mais alto do que muitos países em desenvolvimento poderiam pagar.

Agora, os doadores subsidiam a vacina para crianças nos países mais pobres. Mas milhões de crianças que vivem em países de renda média perdem a vacinação porque seus governos não podem pagar pela vacina. Os países de renda média não são considerados "pobres o suficiente" para receber subsídios, mas também não têm dinheiro o suficiente para comprar a vacina, resultando em mortes que poderiam ser evitadas.

Em 2020, desejamos reverter essa terrível injustiça e sofrimento desnecessário. Novos produtores de vacinas de países em desenvolvimento, que criaram vacinas mais acessíveis, devem ser apoiados para fornecer esses produtos a governos do mundo inteiro, para que mais vidas possam ser salvas.

DESEJO #5 - Medicamentos e vacinas contra o Ebola para quem mais precisa

O vírus Ebola vem tirando vidas há 40 anos ou mais. No entanto, foi ignorado pelos desenvolvedores de medicamentos, porque não era comercialmente atraente para eles e, portanto, nada significativo foi feito para desenvolver vacinas ou tratamentos.

O surto na África Ocidental em 2014 mudou tudo, porque o que antes havia sido visto pelos países ricos como um "problema" para as pessoas em partes da África, agora assumia a dimensão de uma ameaça global. Isso imediatamente estimulou a comunidade internacional a agir e hoje existem medicamentos e vacinas já disponíveis ou em produção.

À medida que avançamos para 2020, trabalharemos incansavelmente para garantir que as pessoas que mais precisam nos países de maior risco tenham acesso oportuno aos novos medicamentos e vacinas contra o Ebola a um preço acessível.

Esses produtos foram desenvolvidos por meio de um notável esforço colaborativo de pesquisa e desenvolvimento de múltiplos colaboradores, financiados quase inteiramente com verba pública e não com investimento privado.

É por isso que afirmamos nosso direito coletivo de dizer quem deve ter acesso aos tratamentos.

MSF usa cookies neste site para melhorar sua experiência.
Saiba mais na

Política de Privacidade. Aceitar