Você está aqui

MSF realiza serviço de ambulância em Ilopango, El Salvador

20/02/2020
Serviços médicos emergenciais no município são limitados ou inexistentes
MSF realiza serviço de ambulância em Ilopango, El Salvador

Foto: Alejandra Sandoval/MSF

A organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) lançou uma resposta médica emergencial no município de Ilopango, em El Salvador. O novo serviço de ambulância atende populações em comunidades com acesso à saúde limitado ou inexistente. Das 190 áreas de Ilopango, um município vizinho de Soyapango, quase 30 foram rotuladas como “zonas vermelhas” e de alto risco para a circulação de equipes médicas.

“Em áreas onde instituições não querem ou não podem trabalhar, porque temem os riscos, há populações cujas necessidades de saúde não são atendidas. Muitas pessoas não podem deixar suas casas ou suas comunidades. Há regiões onde os serviços médicos emergenciais são limitados ou inexistentes e as pessoas precisam buscar ajuda por conta própria”, diz Stéphane Foulon, coordenador-geral de MSF.

Muitas vezes, agências humanitárias cobram para atender pacientes e, em outros casos, elas nem sequer entram no território por causa do estigma e do medo. Os serviços de ambulância existentes não são divulgados adequadamente – as pessoas nem saber para qual número ligar caso precisem.

As atividades de MSF são conduzidas em conjunto com os Comandos de Salvamento e o Sistema de Emergência Médica (SEM). Trabalhamos com essas instituições desde 2018, quando demos início à estratégia em Soyapango.

“A demanda por serviços médicos emergenciais em Ilopangoon é enorme e é diária. As organizações de ajuda humanitária existentes no município não têm suprimentos médicos suficientes e não têm equipes que sejam especializadas em atendimento de emergência. Isso demonstra a necessidade de haver uma gestão e coordenação mais eficiente dessas instituições, para atender esse município densamente povoado e historicamente estigmatizado”, diz Kathya Chacón, médica de emergência de MSF.

Médicos, enfermeiros e motoristas de MSF continuarão prestando serviços em Ilopango 24 horas por dia, 365 dias por ano.

MSF tem respondido a emergências médicas em todo a região de Soyapango desde 2018. Atendemos um total de 2.229 chamadas de ambulância e 2.045 consultas pré-hospitalares até dezembro de 2019. Casos emergenciais em ginecologia e obstetrícia, cardiologia, eventos traumáticos e saúde mental foram tratados. Em Soyapango, mais de 80% das chamadas "zonas vermelhas" receberam os serviços de ambulâncias de MSF e nenhum incidente de segurança registrado.

 

Leia mais sobre

MSF usa cookies neste site para melhorar sua experiência.
Saiba mais na

Política de Privacidade. Aceitar