Você está aqui

Haiti: MSF intervém em áreas afetadas pela cólera

22/10/2010
Equipes da organização viajaram para região afetada imediatamente após notificação de surto

 Na sequência do surto de diarreia aguda na região de Artibonite, no Haiti, equipes médicas da organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) – incluindo médicos, enfermeiras e logísticos – viajaram imediatamente para as áreas afetadas ao longo do rio Artibonite, entre as cidades de Saint- Marc e Mirebalais.

De acordo com as autoridades de saúde do Haiti, ao menos 138 pessoas morreram e 1,5 mil casos de cólera foram confirmados.

Em colaboração com autoridades nacionais de saúde, MSF está providenciando recursos humanos e técnicos e apoio material para estruturas de saúde em Saint-Marc. As equipes estão envolvidas no tratamento de pacientes e na implementação das medidas necessárias para prevenir o alastramento do surto. MSF está enviando materiais médicos adicionais e profissionais experientes para as áreas afetadas.

MSF não tem condições de confirmar nem a causa nem o tipo exato de bactéria desse surto. A região de Artibonite não foi afetada pelo terremoto de 12 de janeiro de 2010.