Você está aqui

Colômbia: MSF oferece apoio em saúde mental aos afetados pelo ataque no distrito de Timba, na região de Cauca

15/04/2015
Incidente armado coincide com as negociações de paz entre governo e guerrilheiros das Farc

Foto: Anna Surinyach/MSF

Uma brigada móvel da organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) está no distrito de Timba, no município de Buenos Aires – região de Cauca, no sudoeste da Colômbia –, prestando assistência à população local após um confronto no qual 10 soldados morreram nesta quarta-feira pela manhã.

Timba está localizado a uma hora de La Esperanza, onde o incidente ocorreu e onde uma segunda equipe de dois psicólogos e um médico esperam conseguir, nesta tarde, avaliar as necessidades da população local, se o acesso humanitário for possível.

“O incidente aconteceu em um bairro rural bem populoso, por isso, o impacto sobre a saúde mental da população civil pode ser significativo”, explica Pierre Garrigou, coordenador-geral de MSF na Colômbia. “Também pode haver pessoas que foram deslocadas e que tenham necessidades psicológicas e médicas para serem atendidas.”

Apesar da redução da intensidade do conflito, a organização de ajuda internacional mantém três equipes de psicólogos na região. “Nossas equipes móveis estão sempre prontas para responder imediatamente a eventos súbitos em áreas rurais, onde cuidados de saúde mental não são oferecidos em centros de saúde primária”, adiciona Pierre Garrigou.

Esse é o incidente armado mais grave desde o começo da trégua de dezembro e coincide com as negociações de paz entre o governo e os guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) que, atualmente, estão reunidos em Havana.

MSF atua na Colômbia desde 1985, nas regiões de Cauca e de Nariño. Em Cauca, equipes de MSF oferecem terapia individual e em grupo em hospitais e bairros. As equipes treinam líderes comunitários, promotores de saúde, parteiras e professores para oferecerem primeiros socorros psicológicos quando um incidente violento ocorrer.Em 2014, equipes de MSF conduziram 1.247 consultas psicológicas na cordilheira Cauca.
 

Leia mais sobre