Você está aqui

Unindo as forças para o bem maior

Carla Denize conta sua experiência como coordenadora de farmácia nos projetos de MSF em Maban, Sudão do Sul, entre agosto de 2019 e maio de 2020.
12/09/2021
Unindo as forças para o bem maior

Foto: Arquivo Pessoal

“Em agosto de 2019, fui ao Sudão do Sul para ser farmacêutica do projeto em Maban, uma região que faz fronteira com o Sudão à oeste e com a Etiópia à leste.

Quando cheguei, já fiquei sabendo dos desafios com a temporada das chuvas, que geralmente começa em abril e se estende até outubro. Há inundações, casos de malária, doenças do trato respiratório, além da dificuldade de acesso para alcançar até nossos serviços de maternidade, tamanha a estrutura precária no país. Porém, com uma população consciente de suas necessidades mais essenciais.

Em um domingo de chuvas torrenciais em meados de outubro de 2019, vivenciamos o início de uma das maiores dificuldades: tivemos nosso alojamento inundado com a enchente decorrente da cheia dos rios circunvizinhos. Em uma ação rápida de coordenação do nosso trabalho em equipe, pudemos assegurar a segurança de todos e também de grande parte dos recursos e suprimentos dos departamentos, incluindo a farmácia.  

Após termos identificado a lista de prioridades para continuar atendendo os beneficiários, conseguimos organizar um carregamento de insumos com o apoio do time de suprimentos, logística e das clínicas. Elencados os serviços mais essenciais e a previsão de consumo, pudemos manter as unidades operantes da melhor forma possível.  

Era possível ver o respeito e gratidão nos acampamentos e vilarejos. Lembro de ter feito um comentário para nossa responsável logística, Mariam Mahgoub, engenheira graduada no Egito, pelo apoio e tomada de decisões. Ela tinha que levar em consideração condições de terreno, tempo, os motoristas que estavam melhor preparados e ainda os recursos a utilizar como veículos (trator, 4X4 e quadriciclos). Mariam precisava decidir até sobre o combustível, pois não tínhamos certeza de quando nossa própria situação iria se normalizar.  

Disso tudo, foi fortalecida a ideia do propósito de estarmos ali, da nossa atitude de colaboração, do preparo e confiança que temos em nossas equipes. A certeza absoluta de que a união faz a força para o bem maior”.

Desde 2011, equipes de Médicos Sem Fronteiras (MSF) fornecem cuidados de saúde em Maban, no Sudão do Sul, para a comunidade do acampamento de deslocados de Doro, além de manter um trabalho colaborativo com as autoridades locais no hospital de Bunj. Carla Denize atuou como coordenadora de farmácia dos projetos de MSF na região entre agosto de 2019 e maio de 2020.   

 

Leia outros diários relacionados

MSF usa cookies neste site para melhorar sua experiência.
Saiba mais na

Política de Privacidade. Aceitar