Você está aqui

Organizações promovem na UERJ seminário sobre populações de rua do Rio de Janeiro

07/11/2001
Iniciativa é da Rede Solidariedade, que reúne mais de trinta organizações

Acontece na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), no dia 21 de novembro, o I Seminário sobre População de Rua do Rio de Janeiro. O seminário é organizado pela Rede Solidariedade, um fórum que reúne mais de trinta instituições comprometidas com os problemas das populações de rua na cidade, uma iniciativa de Médicos Sem Fronteiras. O seminário contará com a presença de organizações não governamentais e órgãos do governo que tratarão das políticas voltadas para o atendimento de moradores de rua.

O objetivo do seminário é discutir a situação das populações de rua, procurando encontrar políticas comuns capazes de serem aplicadas pelo poder público. Atualmente, o problema das populações de rua já não é mais uma questão das cidades, mas de países em todo o mundo. No Brasil a situação não é diferente. O Rio toma a iniciativa, então, através da Rede Solidariedade, de organizar um fórum de discussão do assunto. A idéia é que o seminário possa inserir a questão na agenda pública, estimulando o debate e contribuindo para a sensibilização da sociedade, componente fundamental na resolução do problema.

A Rede Solidariedade é um grupo da sociedade civil que reúne organizações que trabalham junto à população de rua no Grande Rio. Essas entidades organizam atividades comuns, como o Seminário, buscando elaborar propostas de serviços e programas que têm essa população como alvo. A idéia é que a Rede possa fazer a interlocução com os governos municipal e estadual no tocante ao atendimento de políticas públicas defendidas pelo grupo. Trocando experiências de trabalho realizadas pelas entidades, a Rede acredita que estará capacitada para atingir esse objetivo.

O ‘I Seminário sobre População de Rua’ acontecerá na terça-feira, dia 21 de novembro, às 13:30h, no auditório 113, 11o andar, na UERJ. As inscrições são gratuitas e feitas no próprio local.